Notícias do Escotismo

Acompanhe nesta página os principais acontecimentos e novidades do Escotismo Catarinense

Na última noite do 18º Acampamento Regional de Santa Catarina, os cerca de 3.200 participantes se reuniram no campo para umas das cerimônias mais simbólicas do Escotismo: o fogo de conselho. Os jovens e adultos do ARSC começaram a cerimônia na tenda principal, prestigiando um vídeo com as fotos do evento e cantando músicas escoteiras. Em seguida, se dirigiram para o campo para ficar ao redor do fogo.

No campo, um segundo vídeo com fotos das atividades do ARSC foi apresentado aos escoteiros. Os símbolos de cada ramo estavam em chamas em cima do morro e um quinto símbolo, a flor de lis, brilhava no meio deles. Todos os participantes do ARSC cantaram em uma só voz a canção da despedida e prestigiaram uma queima de fogos de artifício para encerrar a cerimônia.

Para os pioneiros Vinicius Eichholz e Gabriel Sasse, do grupo escoteiro Pirabeiraba, esse é o momento mais especial dos acampamentos. “É um sentimento único estar junto com tantas pessoas que compartilham os mesmos pensamentos e estilo de vida”, disseram.

Texto: Jéssica Weirich | Núcleo Regional de Imprensa | Diretoria Regional de Imprensa
Imagens: Equipe Regional de Comunicação

 

 

 

Na ultima noite do 18ª Acampamento Regional de Santa Catarina, ARSC, após o Fogo de Conselho, a Tropa Escoteira teve sua noite de apresentações de música, dança e teatro na programação do Show de Talentos da Tropa Escoteira.

Os jurados foram chefes de tropas escoteiras, que participaram do evento como staffs: Gerson Haacke (GE Brusque), Marcelo Enghi (GE Lauro Müller), Jardel Correa (GE São João Batista), Leonardo Noronha (GE Leões de Blumenau) e Sonia Liotto (GE Xapecó). Os jurados tinham de avaliar os seguintes critérios: tempo de no máximo 5 minutos e atender aos marcos de valores escoteiros.

As apresentações podiam ser individuais, por patrulha, por tropa ou por grupo escoteiro. O Show de Talentos teve desde apresentações musicais solo, passando por danças, apresentações teatrais, voz e violão e até uma banda, que animaram os jovens e chefes presentes, fazendo todos cantarem juntos.

Depois de todas as apresentações, os ganhadores foram: Grupo Escoteiro São João Batista, de São João Batista, em primeiro lugar. Em segundo lugar ficou o Grupo Encosta da Serra, de Orleans. E em terceiro lugar, Grupo Escoteiro Áquila, de Xaxim. Os ganhadores receberam como premio um fogão Shelter Box. Todos que se apresentaram receberam troféu de participação.

O coordenador do Show de Talentos, Alexandre Visconti, agradeceu a participação dos grupos e parabenizou os vencedores.


Texto: Vanessa Grendene | Núcleo Regional de Imprensa | Diretoria de Imprensa
Imagens: Equipe Regional de Comunicação

 

 

 

 

 

O 18º Acampamento Regional de Santa Catarina (ARSC) também tem um olhar comunitário. Por meio do Ramo Pioneiro a comunidade de Rio Negrinho recebeu a ação escoteira nos lares de idosos Santa Felicidade e Meu Cantinho. Os integrantes do Ramo Pioneiro (18 a 21 anos) literalmente colocaram a “mão na massa” e trabalharam em três frentes da ação comunitária que contemplou a reforma parcial dos lares de idosos, a exemplo de pintura, reforma da horta e mesas do jardim.

Seguindo “Nossas Origens”, tema do 18º Acampamento Regional de Santa Catarina, ARSC, a tropa escoteira viajou pela história do nosso estado. No módulo “Trilha dos Colonizadores”, os jovens passam por várias regiões do estado catarinense. Através dos jogos os jovens vivenciaram um pouco da realidade enfrentada dos colonizadores, numa época de muitos desafios, desde a travessia até chegar no solo catarinense para desbravar as diferentes regiões.  

 

Em atividades de grande porte é comum viabilizar aos participantes a conquista de distintivos especiais, lembram os momentos que viveram no evento. Diante disso os participantes do 18º Acampamento Regional de Santa Catarina, ARSC, podem buscar a Insígnia de Campo: Barriga Verde e o Distintivo da Diversidade.

Para atender ao grande público participante do 18º Acampamento Regional de Santa Catarina, ARSC, a organização do evento dividiu as atividades em módulos, entre eles o “Pelos Ares de Santa Catarina”, com bases a exemplo de nós e cordas, altura, combate, pipa gigante, blitzkrieg e kamikaze. Os jovens se divertiram e, em algumas ocasiões, até mesmo os adultos entraram no desafio.

Presença internacional no ARSC. A francesa Alix Braillon, de 15 anos, é uma das participantes do ARSC. Ela é escoteira há nove anos e seu Grupo é o Saint_Jean_Batista_de_Flers. Está no Brasil há dois meses por conta do intercâmbio, de um ano, do Rotary. A motivação para Alix participar do ARSC veio do seu “irmão” brasileiro, Angelo Sandrin Rossi, Sênior do GE Araucária, de Campos Novos. Alix diz estar encantada com o evento e com a acolhida dos catarinenses. Na França, além de estudar Alix gosta de correr e jogar voleibol.

Página 1 de 11

© 2010 - 2017 Escoteiros de Santa Catarina. Todos os direitos reservados. Design by Maldonado
Powered by JS Network Solutions